Está Faltando Educação Ambiental no MAPA


Se o ministro pensa assim…imaginem o que a fauna, flora e povo do Cerrado podem aguardar:

Desrespeito ao Bioma é o maior problema do Cerrado

Wagner Rossi (Agricultura) causou espanto em reunião do “Conselhão”, anteontem, ao dizer que a expansão da fronteira agrícola para Maranhão, Tocantins , Piauí e oeste da Bahia não tem impacto ambiental nenhum. Isso porque, segundo o ministro, “lá não tem nada, só cerrado”.

http://oglobo.globo.com/pais/noblat/posts/2011/03/04/nadinha-367016.asp

Anúncios

4 responses to this post.

  1. O Cerrado é considerado a mais diversificada savana tropical do mundo. O número de espécies vegetais supera 6.000. A riqueza de espécies de peixes, aves, mamíferos, répteis, anfíbios e invertebrados é igualmente grande, ocorrendo a metade das espécies de aves, 45% dos peixes, 40% dos mamíferos e 38% dos répteis com relação ao Brasil. Estima-se que nada menos do que 320 mil espécies ocorram no Cerrado. Esse valor representa cerca de 30% de tudo o que existe no Brasil, pelo menos, segundo as estimativas realizadas. Portanto, a biodiversidade do Cerrado é elevada, mas geralmente menosprezada.

    Fonte: http://www.agencia.cnptia.embrapa.br/Agencia16/AG01/arvore/AG01_2_111200610412.html

    Responder

    • Posted by Thais Salmito on março 15, 2011 at 9:59 am

      De qualquer forma, acho minha Caatinga com sua Flor de Mandacaru (tenho uma tatuada no cangote) uma belezura, com sua tenacidade e capacidade de regeneração, basta um chuvisquinho já amanhece cheirosa e verde…como o nordestino que antes de tudo é um forte.
      Isso me dá uma saudade do sertãozinho cearense.
      Um parentese nessa luta.
      Um cheiro a todos
      Thais Salmito

      Responder

  2. Posted by Geraldo on março 16, 2011 at 1:31 pm

    Não conheço a formação e portanto a capacidade técnica do ministro nessa desastrosa opinião sobre o cerrado. Todo e qq atividade antrópica,ainda que para suprir necessidades elementares de sobrevivência, causam mais ou menos impacto. Aqui região onde moro, no Caparaó Capixaba, também há essas lamentáveis aberrações que depõem contra a vida.
    Precisamos continuar dialogando, incluindo, não perdendo ninguém nos processos de discussão, mesmo e inclusive representantes com o peso e responsabilidade do Ministro da agricultura. Façamos de caos como esse ,oprtunidades de avançarmos na defesa das vidas. Abç Caparaoense,Geraldo

    Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: